Tag Archives: reclamação

Desfecho

29 set

 Há alguns dias comentei sobre o probleminha que ocorreu com o brilhante da minha aliança. Bem, este final de semana finalmente consegui ir até a loja onde havíamos feito a compra, na esperança de resolver esta situação de maneira satisfatória, mas infelizmente não foi o que aconteceu.

Ao chegar na loja meu noivo e eu fomos falar diretamente com a gerente, para evitar perda de tempo. Expliquei a situação e, antes mesmo que eu terminasse de falar ela já balançava a cabeça negativamente. Com toda a educação do mundo eu contei o que havia ocorrido e pedi a ela alguma posição. Eles simplesmente se negaram a oferecer qualquer tipo de restituição, alegando simplesmente que o brilhante poderia ter caído devido ao mau uso e eles não poderiam arcar com o prejuízo. Em diversos momentos a gerente (esqueci de anotar o nome dela, falha minha!!!) disse que eles não davam nenhuma garantia sobre a cravação de pedras, em nenhuma de suas jóias e, que a vendedora deveria ter me explicado quando comprei, que isto poderia ocorrer. Isto é, além de tudo ainda me chamou de burra, afinal, se eu fosse numa loja e a vendedora me alertasse sobre o risco de uma pedra cair, eu jamais compraria nada neste lugar, já que eles não oferecem nem a garantia da qualidade de seus serviços.

Fícamos cerca de 10 minutos tentando resolver o assunto, mas sem nenhum sucesso. A loja estava cheia e, para sorte deles, eu sou uma pessoa bastante educada, embora às vezes desejasse ser um pouco mais barraqueira, porque tenho a impressão de que quando percebem que estão tratando com pessoas civilizadas eles montam em cima. Minha vontade era de gritar, esbravejar, enfim, mas me contive.

No fim da conversa ela me disse que a única coisa que eels poderiam fazer por mim era colocar novamente o brilhante, mas eu teria que arcar com o valor da pedra, só não pagaria a cravação. Não aceitei! Achei muito absurdo!!!

Saí da loja muito brava, mas sem saber o que fazer. Minha vontade era chamar a polícia, o Celso Russomano, os bombeiros, enfim, qualquer pessoa com um pouco mais de sensibilidade. Para não dar viagem perdida, fomos ao PROCON, que fica ali perto. Eles me informaram que, como já havia passado mais de 3 meses da compra, legalmente não havia nada que pudesse ser feito, a loja estava no direito dela em não assumir a responsabilidade.

Indignação resume muito bem o que senti! Não me conformo de lojas como essa ainda estarem com as portas abertas!

Meu noivo e eu resolvemos fechar o buraquinho onde estava o brilhante e esquecer a história. Confesso que ainda não engoli muito bem, mas aos poucos vou digerindo esse prejuízo!!!

Aproveitando a oportunidade, gostaria de dar algumas dicas, baseadas na minha triste experiência, para quem ainda não tiver comprado aliança:

 

1- Caso fôr comprar aliança com brilhante, é importantíssimo perguntar quanto tempo de garantia a loja oferece sobre a pedra. Se fôr menos de 3 meses, aconselho a não comprar. Se a loja disser que a garantia é de um tempo maior, peçam a confirmação por escrito, acordos verbais não tem a menor validade.

 

2- Antes de comprar, pesquise se a loja possui alguma referência, nem que seja de um amigo que já tenha comprado no mesmo lugar. Tem um site muito interessante que pode auxiliar, é o Reclame Aqui, você pode colocar o nome da loja e ver se tem alguma reclamação sobre ela.

 

3- Na loja, pergunte ao vendedor sobre os procedimentos que eles adotam em caso de defeitos. Se a loja não tiver um procedimento padrão, evite comprar.

 

4- E mais importante, passem longe, muito longe mesmo da loja: PARAÍSO JÓIAS!!! Péssimo atendimento, deprimente pós-venda!!!

 

Talvez, se eu tivesse tomado alguma dessas precauções, esse problema pudesse ser evitado.

SUGESTÕES DE COMPRA:

                                               

Aparelho de Pressão             Aliança                                    CDC

Anúncios